Vis - screwsO processo de extrusão dupla rosca, desenvolvido pela Clextral há mais de 50 anos, permite a produção contínua de produtos com estrutura altamente homogênea e fina, utilizando matérias-primas sintéticas ou de origem biológica. Ele é utilizado para produzir uma ampla gama de produtos para a alimentação dos homens e dos animais, para pastas de Celulose, plásticos de origem biológica e produtos químicos de especialidade.

Como a extrusão funciona?

O processamento da extrusão tem por objetivo uma transformação físico-química contínua polimérica média e produção de produtos com estrutura de alta qualidade graças ao controle preciso das condições de processamento.

As extrusoras dupla rosca Clextral consistem de duas roscas entrelaçadas e co-rotantes nos eixos ranhurados em um tambor fechado.  Devido à variedade de projetos de roscas e tambores, vários perfis de rosca e funções de processo podem ser utilizados de acordo com a necessidade do processo. Por isso as extrusoras dupla rosca estão disponíveis para garantir o transporte, a compressão, mistura, cisalhamento, aquecimento, resfriamento, bombeamento, modelagem etc. com alo nível de flexibilidade. A maior vantagem das extrusoras dupla rosca co-rotantes entrelaçadas é a capacidade de mistura excepcional, a qual possibilita características excepcionais para os produtos extrusados e adiciona valor significante às unidade de processamento.

No processo de extrusão dupla rosca, as matérias-primas podem ser sólidas (pós, granulados, farinhas) líquidos, pastas e eventualmente gases. Os produtos extrusados são componentes plásticos, polímeros modificados quimicamente, alimentos texturizados humanos e animais, pastas de celulose etc.

[embed height=350]http://youtu.be/0J9EzcN76qg[/embed]

As vantagens da extrusão dupla rosca

Ao longo do tempo, a extrusão dupla rosca se tornou o padrão em muitas indústrias porque oferece inúmeras vantagens sobre a extrusão de rosca única:

  • Produção mais consistente e controle de qualidade melhor
  • Produtividade aumentada devido ao processo contínuo, parada mais rápida, liga e desliga entre as etapas do produto, possui mudança mais fácil e automação avançada.
  • Maior flexibilidade, com capacidade de processar uma grande variedade de matérias-primas.
  • Impacto ambiental mais acentuado devido à economias de água e energia, melhores rendimentos
  • Manutenção e limpeza simples e fáceis

Você sabia?

Há diferentes tipos de processos de extrusão

  • A extrusão a frio é utilizada para misturar e modelar a massa de forma delicada, sem aquecer ou cozinhar o produto dentro da extrusora. No processamento de alimento, ela é utilizada principalmente para a produção de macarrão e massa. Esses produtos podem ser processados sequencialmente: secados, assados, embalados a vácuo, congelados etc.
  • A extrusão quente consiste em matérias-primas transformadas termomecanicamente em um curto período e em alta temperatura sob pressão. No processamento de alimentos, ela é utilizada principalmente para cozinhar matérias-primas à base de biopolímero para produzir alimentos texturizados, como cereais matinais prontos para consumo, aperitivos (saborosos e doces), alimentos para animais de estimação, pellets para alimento animal etc.
  • A expansão induzida por vapor significa expansão por fusão na extremidade da matriz devido à água intermitente do lado de fora, levando a produtos altamente expandidos. O processamento subsequente determina os atributos textuais dos produtos extrusados como crocância, dureza etc. Esse processo é utilizado para produzir aperitivos, torradas e cereais matinais diretamente expandidos.
  • A co-extrusão expandida combina a expansão induzida por vapor e a injeção de recheio, conduzindo assim a produtos expandidos com texturas duplas. Esta tecnologia é principalmente utilizada para aperitivos e cereais matinais.